sábado, 7 de abril de 2012

Perfil

és assim

quando acuada,
dá gargalhadas de nervosismo;
escondidos atrás dos risos, vêm logo,
o desequilíbrio e o choro





emociona-se com a liturgia,
tens prazer em ajoelhar-se,
curvar-se
e adorar.

ânsias as mãos em ti,
esperas amarras no corpo,
aguardas palavras de ordens,
choras com o gozo.

adoras o spanking.
sentes na ambivalência da dor e prazer,
as deliciosas sensações
que percorrem o cálice do corpo.

tens pele macia
que possui suaves incensos corpóreos:
o néctar, a nota e o anelo
que extravasam delírios

és provocante,
possuis o singular sorriso vadio,
a feminilidade nativa
e o olhar de cadela no cio

necessitas:
acatar,
sucumbir
e obedecer.

contudo, precisas de
correção,
punição
e castigo.

és luxúria deslumbrante,
incitas a fome,
fomentas a carne,
suscitas o êxtase.

és assim:
submissa,
mulher
e MINHA.


SENHOR PYRIEL

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Momentos...


"Há momentos na vida, em que se deveria calar e deixar que o silêncio falasse ao coração, pois há emoções que as palavras não sabem traduzir!"

Fragmentos de uma ordem....


É através desse tal sentimento, a saudade, que sobrevivo quando estou longe de TI. Ela é o alimento do amor que encontra-se distante...
DONO querido,
Conforme Sua ordem, ajoelhada, dei um sorriso bem vadio e ousado......... e me coloquei em Sua presença. Senti o Senhor me olhando carinhosamente como sempre faz.......... beijei minhas mãos e escrevi a letra P , que representa para mim... DOMÍNIO, POSSE.... beijei carinhosamente novamente minhas mãos como se fosse as Tuas Senhor. De quatro, caminhei a até a porta e conferi se eu tinha realmente privacidade para estar em Sua presença e voltei igual uma cadela..... a procura do DONO...
Sua presença forte me fazia estar de joelhos totalmente entregue a TI SENHOR... Vagarosamente minhas mãos passava pelo meu corpo e eu as beijava... como se fossem as Tuas.... Toquei meus seios, meu sexo. Os mamilos endureceram e senti escorrer o desejo e o tesão por TI.....
Com a mão esquerda tocava meus seios, ( hoje estava sem sutiãn) e a outra manipulava meu sexo me levando a delírio e tesão indescritível.... beliscava por cima do vestido meus mamilos que estavam endurecidos e loucos de tesão... Minha mão esquerda tacava cada vez mais forte meus seios e beliscava meus mamilos, enquanto que com a mão direita eu levantava meu vestido.
Minha mão direita tocava meu sexo por cima da pequena calcinha preta enquanto que a esquerda manipulava e beliscava meus mamilos....
No momento o tesão era forte e eu clamava por Sua presença Senhor... o deseja... o queria..... meus pensamentos vagavam e me levavam por caminhos nunca antes percorridos.... OBIRGADA SENHOR!!!!!!
Meu sexo molhado umedeceu minha mão e eu lambi..... que delícia... gosto de cadela no cio!!!! Lambi novamente como se lambesse o pau do meu SENHOR.. hummmmmmmm que delícia...
Tirei minha calcinha e comecei a me tocar..... neste momento Sua presença ficou mais forte.... me lembrei do gozo que tive em Sua presença em nossa última sessão....
Muito excitada, o desejo de gozar veio rápido......mas não era ainda o momento.....
Deite-me no chão e me entreguei a TI da forma como ordenastes..... senti Seus pés..... senti Seus beijos....... senti a o calor da chuva dourada em meu corpo...... senti-me sendo usada, e servindo a TI meu DONO... delicioso!!!!!!
Deitada no chão gelado..... toquei-me vagarosamente e esperava pelo SEU sêmen em minha boca. Muito excitada, o gozo veio rápido..... em pensamento pedi para gozar uma, duas, somente na terceira vez é que tive Sua autorização.... gozei deliciosamente minha mão ficou encharcada .... fiquei sem forças....... lambi minha mão e me deliciava com meu gosto, com meu prazer que é TODO SEU MEU DONO...
Obrigada meu DONO, de joelhos agradeço por ser SUA cadela, Sua puta, e por ter me proporcionado este prazer....
Beijos meu SENHOR ...
Sua cadela,
lena

Um olhar......


"Sempre existe no mundo uma pessoa que espera a outra.
E quando essas pessoas se encontram e seus olhos se cruzam,todo passado e todo futuro perde qualquer importância e só existe aquele momento."
Paulo Coelho

RECORDAÇÕES

22 de janeiro de 2010
Hoje acordei angustiada.......... a falta de noticias do senhor ontem, me fez pensar mil coisas.... castigo... desprezo... turbilhões de pensamentos passeavam pela minha mente.
Logo que cheguei ao trabalho escrevi um e-mail de bom e fiquei ansiosa aguardando um retorno. Para minha surpresa, o e-mail veio com uma ordem deliciosa de ligar para o Senhor. Aliviada, contei os minutos para Lhe ligar. Para minha surpresa, hoje foi o dia em que Lhe conheci.... Com as mãos geladas, tremendo fui ao Seu encontro.... Quando Lhe vi senhor, não tive dúvidas.... com a voz trêmula, o chamei: - SENHOR......
Ambos tímidos iniciamos uma conversa.... mostrei-Lhe as coleiras, os brincos e conversamos um pouco sobre mim... foi inevitável minhas lagrimas ao falar do SM... desculpe-me......
Ali naquele momento estabelecia algo..... foi delicioso.....o tempo passou depressa e logo estava na hora de voltarmos para nossas atividades... Um arrepio tomou conta do meu corpo quando senti a sua respiração perto de meus ouvidos.... momento mágico..... pedi licença para tocar no Senhor ... tive a autorização... obrigada!!!!!
Logo que cheguei enviei um e-mail dizendo de meus sentimentos..... as 16:00 horas uma ordem para ser cumprida... liguei para o Senhor e recebi algumas tarefas e uma ordem que tenha a certeza de que será respeitada.......
Espero que eu tenha feito o relato da maneira que Lhe agrade Senhor.
Deixo meus beijos,carinhos,lambidas.....
Sua
lena