sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz ano novo



Desejamos a todos um magnífico ano novo,
que obtenham suas vitórias e realizações,
repletas de SAÚDE,PAZ e HARMONIA.
Feilicidades e um próspero ano novo.
São os nossos votos a vocês.

O que é a saudade?


Dono amado,
A saudade é como frio em uma tarde de inverno....
O céu pode estar azul, o sol pode brilhar, mas ele permanece....."
muita suadade!!!!!!!!!!!!
eternamenta SUA lena

Definições



Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança para acontecer de novo e não consegue.
Lembrança é quando, mesmo sem autorização, seu pensamento reapresenta
um capítulo.
Angústia é um nó muito apertado bem no meio do sossego.
Preocupação é uma cola que não deixa o que ainda não aconteceu sair de seu pensamento.
Indecisão é quando você sabe muito bem o que quer mas acha que devia querer outra coisa.
Certeza é quando a idéia cansa de procurar e pára.
Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido.
Pressentimento é quando passa em você o trailer de um filme que pode ser que nem exista.
Vergonha é um pano preto que você quer pra se cobrir naquela hora.
Ansiedade é quando sempre faltam muitos minutos para o que quer que seja.
Interesse é um ponto de exclamação ou de interrogação no final do sentimento.
Sentimento é a língua que o coração usa quando precisa mandar algum recado.
Raiva é quando o cachorro que mora em você mostra os dentes.
Tristeza é uma mão gigante que aperta seu coração.
Felicidade é um agora que não tem pressa nenhuma.
Amizade é quando você não faz questão de você e se empresta pros outros.
Culpa é quando você cisma que podia ter feito diferente mas, geralmente, não podia.
Lucidez é um acesso de loucura ao contrário.
Razão é quando o cuidado aproveita que a emoção está dormindo e assume o mandato.
Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele.
Paixão é quando apesar da palavra ¨perigo¨ o desejo chega e entra.
Amor é quando a paixão não tem outro compromisso marcado.
Não... Amor é um exagero... também não.
Um dilúvio, um mundaréu, uma insanidade, um destempero, um despropósito, um descontrole, uma necessidade, um desapego?
Talvez porque não tenha sentido, talvez porque não tenha explicação,
Esse negócio de amor, não sei explicar.

Eternamente SUA
lena

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

365 DIAS DE SUBMISSÃO!


meu DONO e SENHOR,
Hoje completa um ano em que nos conhecemos.... inseguranças, medos, dúvidas.... tudo isto aconteceu...
Mas o tempo foi passado e outros sentimentos foram ocupandos os espaços e as conquistas foram acontecendo aos poucos....
Como tudo na vida tem seu tempo, sua conquista. Se existe conquista é porque está havendo superação e, na maioria das vezes, essa superação é de meus limites e medos.
A própria vida, cansou de me maltratar, bater, me colocar de joelhos, já fui tratada com maldade, injustiça, falta de responsabilidade, cheguei a duvidar de minha condição.
Ter uma bagagem de frustrações e decepções não me impede de perceber hoje o Seu olhar justo repousar sobre mim.
Me lembro sempre da sensação que tive e me conscientizei que a vida não me dá sofrimento e dor, mas sim aprendizado.
Tem dias em que a espera me deixa tensa, desconfianda até de minha capacidade de me entregar e servir, mas é aí que me lembro de Suas palavras ao dizer que tenho qualidades que fazem superar o que me falta, nesse momento me sinto forte e confiante.
Crescer como mulher em Suas mãos tem sido o resultado de minha entrega como submissa, servir para mim é lidar com meus limites, me sentir desafiada, querer vencer os desafios sem esperar recompensas, é saber que sempre serei confrontada com meus medos, é saber que meu Dono,é meu Senhor a quem devo respeito e obediência.
Vejo o BDSM não como uma fuga, mas sim como uma escolha de vida para quem tem coragem suficiente para se decidir e enfrentar os obstáculos e medos e, não como um meio seguro de realizar fantasias sexuais.
Hoje olho num espelho antes de ver a submissa eu vejo a mulher que se se sente livre nessa entrega completa.
Vivo ansiosa por Te servir, mas espero sem perder o controle, sem vulgaridade, aguardando sabendo que este momento sempre chega.
Aprendi a esperar, a me entregar, a estar sempre aos Seus pés, onde aguardo pelo meu Senhor, sabendo que até no aguardar já Te pertenço, sirvo, me entrego.
Não pretendo desistir de lutar pelos meus objetivos criando saídas alternativas, cedendo meu espaço ou minhas conquistas por me sentir ameaçada, se for desafiada vou mostrar que sou capaz de superar medos, inseguranças e vence-los.
Não existo somente na Sua presença meu Senhor, afinal já era submissa muito antes de me dar conta disso e viver na submissão é caminhar desconhecendo o caminho, a direção, é seguir-Te sem questionar, confiando plenamente em Ti.
Encontrar em Ti a responsabilidade e sabedoria com que me guia por esse caminho e entregar-me de corpo e alma é o meu maior desejo, assim como ser dedicada, tentar me aprimorar, contando sempre com a Sua condução.
Servir para mim é buscar o aperfeiçoamento, a confiança de me entregar a cada ato sem medo de errar... e tudo isso para o Seu prazer meu Senhor
meu Dono, meu Amor.
Para sempre SUA......
lena